Constatámos que está a utilizar um navegador não compatível. O Web site do Tripadvisor poderá não ser devidamente apresentado.Compatibilidade com os seguintes navegadores:
Windows: Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Chrome. Mac: Safari.

Fórum: Cancelamento de Vôo por falha técnica

1 publicação
Cancelamento de Vôo por falha técnica
Guardar

Oi boa noite, contratei um cruzeiro, porém o vôo foi cancelado impossibilitando o embarque até o porto, ingressei com um processo contra a Cia aérea de perdas e danos , porém a CVC me estornou via voucher o Cruzeiro cobrando 20 % de multa .

1 resposta
Salvador, BA
Especialista em destinos
para Rio de Janeiro, Salvador, Hamburgo, Foz do Iguaçu, Cusco, Machu Picchu
Colaborador nível
5 550 publicações
1 866 avaliações
3 330 votos úteis
1. Re: Cancelamento de Vôo por falha técnica
Guardar

Olá, Marcelo,

São vários os fatores dentro de seu caso e o texto resumido só nos deixa conjecturando, mas vou tentar te ajudar a entender a questão com os poucos dados que nos deu:

Se adquiriu o cruzeiro diretamente com a operadora e no pacote estava incluído o voo, a mesma deveria ter feito as alterações para que o passageiro pudesse embarcar como planejado.

Caso, entretanto, tenha adquirido o cruzeiro e o voo separadamente, a operadora nada tem a ver com o passageiro não ter se apresentado para embarque no porto, pois é de responsabilidade exclusiva do mesmo estar pontualmente no local e hora indicados e contratados munido de toda documentação necessária.

A companhia aérea não é responsável pela perda de seus compromissos quaisquer, pois a função dela é estritamente levar o passageiro do ponto A ao ponto B, ambos aeroportos e não nada além disso.

Caso tenha adquirido o cruzeiro com uma empresa e o voo com um intermediário (Decolar, Hurb ou similar) e a aérea cancelou ou alterou o voo, a mesma não é responsável, pois a compra, a reserva não foi feita com ela diretamente mas com o intermediário, que deveria tê-lo informado da alteração e sugerido uma outra possibilidade de voo. Por ter pedido o embarque por causa disso, o intermediário também não pode ser responsabilizado, pelo que expliquei no parágrafo acima.

Com relação a seus direitos por não ter podido embarcar no cruzeiro, deve atentar para o que diz o contrato, a letra miúda.

Pelo resumo de sua história, parece que seu processo não tem chances de vingar e a falha de não se apresentar para o embarque no cruzeiro foi sua, estando a CVC lhe fazendo já um grandíssimo favor em lhe reembolsar 80% do valor!

Tentei cobrir o máximo de situações possíveis no seu caso, não sei qual exatamente se aplica. Precisando de mais ajuda, estamos aqui,

Vítor

Obtenha respostas às suas perguntas