Museu do Padre Toledo

Museu do Padre Toledo, Tiradentes

Museu do Padre Toledo - Tiradentes

Museu do Padre Toledo - Tiradentes
4
Terça-feira
10:00 - 17:00
Quarta-feira
10:00 - 17:00
Quinta-feira
10:00 - 17:00
Sexta-feira
10:00 - 17:00
Sábado
10:00 - 17:00
Domingo
10:00 - 17:00
A área
Endereço
Os melhores perto
Classificamos estes restaurantes e atrações ao analisar as avaliações dos nossos membros face à proximidade com esta localização.
Restaurantes
188 a 5 km de distância
Atrações
38 a 5 km de distância

4.0
526 avaliações
Excelente
213
Muito bom
206
Razoável
84
Fraco
14
Péssimo
9

Jully Hsu
São Paulo, SP115 contributos
Vale a visita
dez de 2020
Próximo da praça e tem restaurante lá no local. Próxima da rua direita. Não tive oportunidade de visitar o restaurante.
Escrita a 5 de janeiro de 2021
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

Marco M
Santa Maria, RS4 555 contributos
Quem foi Padre Toledo?
jan de 2020
Acho que é bom começar esta avaliação pela pergunta: quem foi Padre Toledo? Bem, eu confesso que não fazia ideia ou no mínimo não me lembrava, caso tenha sido alvo de estudo na escola. Obviamente todo estudante brasileiro tem contato com o assunto da Inconfidência Mineira em alguns momentos da vida escolar, mas, quem não seguiu estudos de história posterior ao ensino médio, no máximo vai se lembrar do nome completo de Tiradentes, quando muito. Você lembra? Sendo assim, visitando o Museu do Padre Toledo você descobrirá (ou relembrará) que Padre Toledo foi pároco da vila de São José Del-Rei (cidade de Tiradentes atualmente) que teve ativa e importante participação no levante inconfidente. O museu é exatamente a casa onde ele residia e, por assim ser, é cravejada de histórias interessantes, muito bem contadas durante a visita guiada. Não é um passeio longo, os ambientes são agradáveis e a condução da visita é muito bem feita. Vale a pena conhecer.
Escrita a 21 de agosto de 2020
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

Glaucia F
São Bernardo do Campo, SP2 082 contributos
Casa Linda
fev de 2020
Até 1789 a casa atraiu as atenções da região, quando nela residiu, por 12 anos, o Padre Toledo, senhor de grandes posses e um dos mais ativos personagens da Inconfidência Mineira. A presença do pároco marcou este solar que testemunhou reuniões e encontros entre várias figuras ilustres do período.
Em 12 de julho de 2019, o Museu reabriu suas portas oferecendo aos visitantes mais informações sobre a Inconfidência Mineira, a partir de documentos, imagens e acervos diversos sobre a Casa, o seu ilustre morador Padre Toledo e o cotidiano da Vila de São José.
Por essa casa, vc tem uma ideia de como os Padres daquela época tinham uma posição bem importante na sociedade e qtas riqueza possuíam
A casa é linda e te remete ao passado, colocando você no cenário da época e te faz imaginar como seria viver naqueles tempos
Escrita a 23 de maio de 2020
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

Janete Luzia L
Rio de Janeiro, RJ181 contributos
Interessante
jan de 2020
Um belo casarão, com peças escolhidas. A espaço externo também foi aproveitado para exposições. Vale a pena conferir.
Escrita a 23 de fevereiro de 2020
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

Cathierine H
Salvador do Sul, RS64 contributos
Excelente
ago de 2019
A visita vale a pena pela recepção excelente dos guias, estudantes de universidades da região. Não tem um acervo muito grande, mas as histórias contadas a partir de cada objeto são muito agregadoras.
Escrita a 7 de fevereiro de 2020
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

Carol M
19 contributos
Valeu a pena
jan de 2020 • Casais
O casarão é bonito e nos dá uma boa idéia de como era a vida do Padre Toledo ali. Tem boas informações e o pessoal é muito bacana. Fomos guiados pelo Lucas, ele foi muito gentil, educado...
Escrita a 27 de janeiro de 2020
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

Alfredof
Rio de Janeiro, RJ32 contributos
Imperdível
jan de 2020
Praticamente não tem acervo pois foi tudo saqueado ao longo da história. Mesmo assim está muito bem montado ao contar a história da Inconfidência Mineira em suas salas. Vale muito a visita pelo prédio, em excelente estado.
Escrita a 23 de janeiro de 2020
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

Lenyr Buarque
Rio de Janeiro, RJ53 contributos
Muito interessante.
jan de 2020
É muito interessante estar dentro da casa em que começou basicamente o encontro dos inconfidentes, uma parte muito rica da história do Brasil. Vale a visita.
Escrita a 21 de janeiro de 2020
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

Renata_de_Menezes
Rio de Janeiro, RJ55 contributos
História!
jan de 2020
Imperdível!!!! Como sabemos pouco da nossa história! Adorei! Padre Toledo foi de grande importância para o movimento politico da época

Escrita a 19 de janeiro de 2020
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

Ivan Mercadante Boscardin
São Paulo, SP4 369 contributos
Um dos locais mais imersivos sobre a cultura da cidade de Tiradentes
jan de 2020
O solar conhecido historicamente como Casa Padre Toledo é um dos bens culturais mais preciosos construídos no século XVIII em Tiradentes, Minas Gerais. Marco arquitetônico do período de exploração mineral na então Vila de São José del-Rei, antiga Comarca do Rio das Mortes, a edificação abriga limiares de espaços e tempos diversos de grande importância na vida social, política e cultural. Até 1789 a casa atraiu as atenções da região, quando nela residiu, por 12 anos, o Padre Toledo, senhor de grandes posses e um dos mais ativos personagens da Inconfidência Mineira. A presença do pároco marcou este solar que testemunhou reuniões e encontros entre várias figuras ilustres do período.

O inconfidente Padre Toledo nasceu em Taubaté, em 1730, capitania de São Paulo, de onde no século anterior haviam partido tantas entradas e bandeiras, atravessando a Mantiqueira em busca das minas. Era vigário colado da Matriz de Santo Antônio desde 1777, e presbítero do hábito de São Pedro. Tinha 59 anos quando foi preso, em 1789, atravessando a Serra de São José. Foi acusado pelo Acórdão da Alçada de convidar para a conjuração o seu irmão, Luís Vaz de Toledo Pisa, sargento-mor da Cavalaria Auxiliar de São João del-Rei, e declarou nos autos da devassa a sua participação nela. Expatriado para Portugal, permaneceu inicialmente encerrado na Fortaleza de São Julião, até ser transferido para uma prisão eclesiástica em Lisboa, onde veio a falecer.

De acordo com os autos da devassa, no sequestro dos bens do Vigário Carlos Correia de Toledo e Melo encontram-se: três dúzias de pratos finos, uma dúzia de xícaras e pires e três bules, todos de louça da índia; doze copos de vidro; duas terrinas de louça de Lisboa; além de outros artefatos. De gosto sofisticado, Padre Toledo possuía muitos móveis pintados, como estantes, catre com cabeceira dourada, além da policromia. Nos sobrecéus das camas, no encosto das cadeiras e nos canapés e almofadas de portas havia damasco carmesim. Homem culto e liberal, tendo sucedido na casa ao também inconfidente e letrado cônego Luiz Vieira da Silva, o Padre Toledo vivia com o requinte que a riqueza das Minas possibilitava a pessoas do seu estado e posição.

A sua casa, erguida no século XVIII, é na realidade um solar de andar único, com pequeno torreão de construção posterior. O refinamento do edifício é comparável às habitações nobres de Portugal e a algumas sacristias de igrejas do século XVIII. Um de seus aspectos mais sofisticados é o conjunto de forros, quase todos em gamela, e pintados, coisa rara nas residências particulares da época. O volume de trabalho é notável, já que as pinturas estão presentes em nove das quinze salas e aplicadas com diversas estratégias artísticas de composição. Vestígios de pintura indicam decoração original nas paredes.

O Museu pertence à Fundação Rodrigo Mello Franco de Andrade (FRMFA) e hoje integra o projeto do Campus Cultural UFMG em Tiradentes, vinculado à Diretoria de Ação Cultural da UFMG. Sob os cuidados da FRMFA e da Universidade, a casa passou por um complexo processo de restauração arquitetônica e de seus elementos artísticos. Foi reinaugurado em 2012, apresentando um projeto expográfico que buscava valorizar a arquitetura do solar e os seus possíveis usos no século XVIII, além de apresentar uma coleção de objetos pertencentes à cultura artística brasileira.

Em 12 de julho de 2019, o Museu reabriu suas portas com o projeto expográfico renovado, oferecendo aos visitantes mais informações sobre a Inconfidência Mineira, a partir de documentos, imagens e acervos diversos sobre a Casa, o seu ilustre morador Padre Toledo e o cotidiano da Vila de São José.

A entrada é gratuita para estudantes e professores do sistema de ensino público (básico, fundamental, médio e superior) e para residentes em Tiradentes, São João del-Rei e Santa Cruz de Minas. Estudantes e professores do sistema de ensino privado (todos os níveis) e maiores de 60 anos pagam meia (R$ 5,00) e os demais públicos pagam inteira (R$ 10,00).
Escrita a 12 de janeiro de 2020
Esta avaliação é a opinião subjetiva de um membro do Tripadvisor e não da TripAdvisor LLC.

A mostrar resultados 1 a 10 de 518
Falta alguma informação ou encontrou algo errado?
Sugira edições para melhorar o que apresentamos.
Melhorar este anúncio
Perguntas frequentes sobre Museu do Padre Toledo

Museu do Padre Toledo está aberto:
  • Ter - Dom 10:00 - 17:00